Rejeição à pureza de atitudes como ideologia

 
          Ela parecia me amar, mas o ódio costuma caminhar por estradas paralelas, e hoje em dia se deve duvidar da própria sombra. Homens e mulheres sempre pensaram diferente desde o início dos tempos, e o surgimento de diversos tipos de gênero complicaram ainda mais as coisas.

          Vive-se em uma época em que elogios mal interpretados podem render ódio e violência, e a desconfiança extermina o que antes era conhecida como amizade. Não existe pureza nos corações jovens, amor é uma farsa, um conto de fadas para desacreditar e subverter o status de quem ainda acredita.
          Os hábitos se invertem, os erros viram acertos e vice-versa. Tudo o que importa é transgredir e modificar o modelo de regime, pois a democracia implica exercer a escolha de uma ampla maioria, então seria um paradoxo que os desejos minoritários sejam enaltecidos e considerados oficialmente, alijando a grande maioria e as suas escolhas e necessidades.
          Ela realmente parecia me amar, mas eu estava confuso e não podia confiar totalmente, tendo em vista todo o modus operandi citado acima, que gera conflitos e afasta pessoas, que passam a conviver em pequenos grupos agressivos com os outros por teimosia e ausência de razão.
       É a decadência da sociedade como a conhecíamos, impedindo que amizades desinteressadas proliferem e amores sejam levados a sério. Uma nova conjuntura obriga que os novos relacionamentos sejam superficiais e descartáveis, alienando cada vez mais e atrofiando cérebros a ponto de causar tragédias irreparáveis.



         Ela parecia me amar, todas as atitudes indicavam. Só que essas atitudes eram antigas, não combinavam com a geração dela; todo cuidado era pouco, e o mau comportamento se alternava entre frio e desconfiado, confuso e covarde.

        Se ela realmente me amava teríamos problemas com o resto do mundo. Corresponder seria ainda mais perigoso, e marginalizados estaríamos condenados a uma vida de sofrimento e dor, julgados por uma coisa que já foi desejo de toda uma população, sem ganância nem manipulação.

         Amar e ser amado em tempos difíceis como esse, nos quais os valores estão sendo corrompidos com uma facilidade aterradora é o pior dos acontecimentos. A pior das decisões.

          Um mundo sombrio começa com a perda da esperança e o desprezo completo ao estilo de vida ultrapassado que inseria felicidade na equação perfeita de viver.



Marcelo Gomes Melo


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu feedback é uma honra!

Para ler e refletir

Sair da vida cedo demais Quando ela afirma que ama, não sabe o que diz, apenas repete o que vê nas novelas às quais assiste...

Expandindo o pensamento