"A palavra como elemento difusor   primordial para a evolução"

 

          Na Era das múltiplas linguagens e das mídias sociais extremamente velozes, difundindo ações e pensamentos quase que instantaneamente, como filtrar informações de modo a separar o joio do trigo, e ao mesmo tempo manter a mente aberta para todos os tipos de preferências, informando com qualidade, ética e veracidade?

          Cabe lembrar que a informação atinge ao usuário através de imagens, vídeos, sons, com uma acurácia muito maior. A comunicação não verbal é eficiente e, muitas vezes preferida pelos jovens ao modelo tradicional verbal, razão pela qual as mensagens sub reptícias proliferam, com intenções as mais variadas. Reconhecer tais ferramentas facilitará o trabalho importante de chamar a atenção de todos os receptores para a necessidade de manter um macete pessoal para analisar de maneira crítica o conteúdo ao qual estão expostos, diminuindo assim a possibilidade de entenderem de maneira incorreta ou escolherem caminhos improváveis.

          Apesar de tudo isso, a palavra ainda demonstra ser a ferramenta principal e mais eficaz de comunicação global, devendo, portanto ser cuidada e respeitada em todos os seus níveis, desde a linguagem culta, que atende a propósitos determinados e aferem status acadêmico e social, até todas as variantes informais, que comunicam com igual eficiência, de acordo com a visão de mundo do indivíduo e seu habitat. Cultivar a leitura desde a mais tenra idade é primordial, um ato de evolução intelectual, sensorial e físico, pois agregará valores inimagináveis ao ser humano durante o seu período de existência. Ler, entender, decifrar, decodificar, escolhendo a parte que lhe interessa e descartando as que não, sem deixar espaço para respeitá-las, mesmo que não concordando, influenciará absurdamente na construção de seres humanos capazes, competentes, atores significantes na função de modificar o mundo e garantir uma evolução sustentada da sociedade.
                                           Marcelo Gomes Melo
         

           

Para ler e refletir

Intolerante é a sua mãe, eu sou o mais humilde do universo!         Para lutar por suas bandeiras é preciso argumentar com co...

Expandindo o pensamento