O que você faz quando não tem paz?



          O que você faz quando não tem paz? Sai por aí atirando a esmo, falando mal de você para você mesmo... Remói insistentemente o amargor em seu âmago, inconformado com o mundo pelas injustiças com as quais o brinda como se fosse um presente de natal?
          O que você diz, quando está infeliz? Grita aos quatro ventos sua tristeza, tudo é feio ao seu redor, não enxerga nenhuma beleza? Ou se fecha em si mesmo, sob os grilhões do silêncio, enroscado em seus maus pensamentos?
          Cada um apresenta as próprias razões pelas quais sofrer e também a fórmula correta para atravessar o período de turbulência, não há modelos prontos; engana-se quem procura a maneira dos outros em vez de confiar na sua própria. Autoajuda apenas funciona para uma pessoa: o autor das regras, que ajuda a si mesmo, enquanto os outros seguem as normas que servem apenas para ele.
          Se quiser seguir ao pé da letra, ajude-se! Crie seus próprios parâmetros e acredite neles para recuperar-se. Não é possível, caso continue enxergando a natureza em preto e branco. Acomode-se. Em si mesmo. Acomode-se em si mesmo e provavelmente vai parar de se incomodar com o universo em torno de você.
          Não é possível cobrar menos dos outros, embora seja injusto e eles nem saibam. Cobram a você da mesma forma. É assim que acontece, não há outro meio. Pode chamar de engrenagens sociais, ajustadas e engraxadas para funcionar com enganos e falhas diárias.



          Percebe agora? Mesmo quando não são receitas de bem querer, de como ficar rico ou de como seduzir aos outros com diversos fins, ainda assim são conselhos. A vida parece girar em torno de conselhos, e isso talvez seja bom, porque é assim que a humanidade escolheu agir para conviver, através de cumplicidade e acordos mútuos que aliviem o fardo da sobrevivência.
          Quando você se ajuda, todo o tipo de ajuda  que recebe de bom coração lhe será útil, criando uma corrente inesgotável de esperança, seja ela qual for. Uns chamam de religião, outros de confraternização... Alguns de destino. Os mais cínicos chamam de “liberdade, ainda que tardia”, e os impressionáveis de conjunção extraterrestre. Não há como fugir dos acontecimentos. Então até a autoajuda serve de alguma coisa.
          No fim de tudo, não importa o que você faz ou deixa de fazer quando não tem paz, se conseguir a manutenção de sua paz interior a qualquer custo. Isso lhe fará pairar como um beija flor sobre uma terra povoada por zumbis.



Marcelo Gomes Melo

Para ler e refletir

A lenda do Bom Tejipió           Embaixo do pé de cajá ao anoitecer, com uma lança comprida de ponta fosca triangular, cort...

Expandindo o pensamento