Tensão ao amanhecer








           De olhos grudados nas chamas de uma fogueira improvisada, o homem espalha o seu silêncio pesado como o mau agouro, esfregando as mãos esquálidas de vez em quando, causando arrepios involuntários aos que o ladeavam na tarefa inglória de manterem-se aquecidos.
          Quando passou a bandeja de pratos de sopa aceitou o seu resignadamente e repetiu o gesto para pegar o naco de pão e o copo fumegante de café. Ninguém falava, apenas repartiam o infortúnio como companheiros de uma empreitada épica, digna de honoráveis chefes de família através dos tempos, brigando para realizar o sonho de suas vidas tristes.
          Os cartazes aos seus pés jaziam comportados, esperando a hora de serem erguidos para expressar tudo o que a massa gostaria de dizer, embora lhes faltem vocabulário para isso. Tirar aquele nó da garganta era a única forma de colocar para fora o desgosto de ser marginalizado por séculos, e agora adentrar no círculo dos privilegiados, finalmente!
          A angústia da espera é cruel com aquelas pessoas, mas não as abate ao ponto de desistir dos sonhos. A essa altura o medo de perder não tira a vontade de ganhar, porque poucos minutos os separam da glória, a voz se erguerá e um espaço será conquistado por aquelas pessoas em volta da fogueira, tensos ao amanhecer, imaginando como será a grande chance de suas vidas.
          O amanhecer traz alguns gritos de êxtase, que saem meio tímidos, como grunhidos de exilados, desacostumados a participar da efervescência social.




          Uma pessoa aparece informando que os portões serão abertos, e todos se erguem, recolhendo os cartazes e se organizando em fila indiana para o grande momento de sua história. Logo os murmúrios se transformam em gritos; os gritos em urros e os urros em berros amalucados.
             Eram os primeiros na fila para comprar ingressos para o show do Justin Bieber.
                              Marcelo Gomes Melo

Para ler e refletir

Sentimentos ferozes. Forjados?      Cada movimento seu é uma incógnita, então preste atenção no que pretende fazer, pois o ...